ONU divulga novas regras para proteger crianças e adolescentes no ambiente online.

Por: Maria Augusta Ribeiro

Até o fim do ano serão 3 bilhões de internautas navegando em ambiente digital, e dentre eles, muitas crianças.

crianca-na-frente-de-um-pc-#belicosa55Preocupados com a exposição delas à pedofilia, ao consumismo e a crimes cibernéticos, o fundo da ONU para a infância liberou uma lista de regras para o bom uso delas na internet.

Uma vez ativas na rede, as crianças estão mais expostas a violações e abusos que aproveitem da inocência e da falta de habilidade.

teen-iphone-#belicosa55O manual conta com a ajuda de parceiros como o Facebook e empresas de telecomunicações que criaram uma espécie de roteiro para ajudar esta turma a buscar ajuda em caso de violação.

criança-tablet-#belicosa55Estas diretrizes atendem uma nova realidade, onde a geração Y é mais conectada e exposta aos avanços da tecnologia.

A alternativa de educar em vez de proibir os navegadores mirins de surfar na internet e se comunicar de forma segura é a chave para evitar golpes e crimes cometidos contra eles.

o-KIDS-TABLETS-#belicosa55Fomentando o conhecimento e estimulando a participação cívica das crianças e seus responsáveis dentro do universo digital, todos ficam mais preparados para buscar ajuda em caso de pane.

Visualize a lista aqui: Guia da ONU

Compartilhe:






Saiba mais sobre
Comportamento Digital

Conteúdo especializado produzido por
Maria Augusta Ribeiro

Leia também



#maturidadedigital #telanamao #criancasetelas #maturidade #belicosa

Seu filho tem maturidade para ter uma tela na mão?

Saiba porque crianças menores de 10 anos não tem maturidade necessária para administrar o

netnografia

Afinal de Contas o que é Netnografia?

Saiba como entender o comportamento do consumidor em tempos digitalizados

influencia a compra dos consumidores digitais

O que influência a compra dos consumidores digitais?

Saiba porque experiencia de consumo é tudo para vender