Organização brasileira é referencia na inclusão de felinos nas florestas, evitando o conflito com o homem.

 Por Maria Augusta Ribeiro

O instituto estimula o convívio pacífico entre felinos de grande porte encontrados no Brasil e agricultores e pecuaristas próximos aos locais de habitat dos animais. Assim, com práticas de manejo sustentável e a política da boa vizinhança, bons resultados começam a surgir na luta pela preservação das espécies.

g1-onca-pintada-filhote-#belicosa555A visão muitas vezes distorcida sobre o habitat natural desses grandes felinos brasileiros, e as cidades cada vez mais avançando para as áreas rurais, fazem do homem um predador que se sente ameaçado ao invadir o território desses animais. Além disso, o agro usine prefere assumir que onças atacam seus rebanhos do que constatar a  dificuldade no manejo do gado.

O que tem de genial o instituto? A parceria entre homem e animal através de da organização, que recompensa financeiramente os fazendeiros quando constatam carcaças de gado que foram mortas por onças, e em troca da vida dos animais.

jaguars-#belicosa555Além disso, felinos encontrados ainda bebês são treinados para serem novamente inseridos em seus habitats naturais, e continuam a ser monitorados pelo instituto com coleiras de GPS.

À frente do projeto o nome de Leandro Silveira se destaca como referência aos que são apaixonados pelos felinos brasileiros, contribuindo para tornar possível a convivência pacífica entre homem e animal.

Instituto Onça Pintada

Compartilhe:






Saiba mais sobre
Comportamento Digital

Conteúdo especializado produzido por
Maria Augusta Ribeiro

Leia também



#netnografia

Pai, você presta atenção ao tempo de tela do seu filho?

Porque o pai é o responsável pela tecnologia absorvidas pelas crianças em casa

netnografia

Belicosa: A força da Netnografia no Séc. XXI

Saiba quais as vantagens dessa pesquisa que busca ouvir o consumidor online

#maturidadedigital #telanamao #criancasetelas #maturidade #belicosa

Seu filho tem maturidade para ter uma tela na mão?

Saiba porque crianças menores de 10 anos não tem maturidade necessária para administrar o