Atitude cidadã de Neymar coloca em debate o poder da banana dentro de campo.

Por Maria Augusta Ribeiro

daniel-alves-banana-#belicosa555Em resposta ao racismo sofrido pelo jogador Daniel Alves dentro de camp. A campanha #SOMOSTODOSMACACOS feita por Neymar, usou o bom humor e atitude cidadã no combate a discriminação racial.

Em tempos de agressões no mundo do futebol, torcidas usam a violência e ultrapassam os limites que separam o torcedor do criminoso. Chamar um profissional de macaco e jogar uma banana para ver se ofende agora é moda, mas nao é bonito.

Daniel comeu a banana e Neymar engajou milhões de pessoas num repudio coletivo que os transformam em bons exemplos a toda sociedade.

somostodosmacacos-#belicosa555O diferente pode causar medo, insegurança e rejeição. Mas dai a agressão é uma conversa para macacos cidadãos, que utilizaram o respeito a diversidade racial em razão da falta de educação.

Como repudiar o preconceito de forma inteligente? Com educação, pense antes de rebater ofensas  gratuitas, Eduque seus filhos para respeitarem o que nao compreendem e debatam pontos de vista nao agressões.

A discriminação racial é crime e se de fato isso ocorrer identifique o agressor, tire fotos e denuncie. Pois num pais onde somos todos iguais, conversa de macaco é entendida como maior consumo de banana

dieta-da-banana-macaco-#belicosa555

Compartilhe:






Saiba mais sobre
Comportamento Digital

Conteúdo especializado produzido por
Maria Augusta Ribeiro

Leia também



telas

Será que sou dependente das telas?

Saiba porque a tecnologia esta criando gerações dependentes das telas

jogos online

Jogos online: vilão ou mocinho?

A exposição aos jogos online está oferecendo mais riscos do que benefícios?

netnografia

Netnografia: 3 Formas de analisar o comportamento do consumidor

Metodo de pesquisa digital vai ajudar o empreendedor a entender o consumidor -netnografia