Entenda porque o habito de medir é estimado pelo excesso.

Por: Maria Augusta Ribeiro

dieta_balanca-#belicosa55Medimos a grandeza das pessoas, quantidade de calorias de uma sobremesa e visualizamos o PIB de uma nação por estatísticas. Mas será que podemos contar tudo?

Hoje o grau de riqueza  é medido pelo tamanho das casas, quantidades de carros na garagem e pela infinidade de bebidas alcoólicas consumidas na balada.

Julgamos autores pela quantidade de obras, dimensionamos catástrofes pelo numero de mortos e avaliamos o preço das mercadorias pela cifra local.

problemas-balança-#Belicosa55A necessidade de aceitação do ser humano rompeu barreiras, balizada pelo habito excessivo de medir para ser aceito, percepções inexatas são substituída por algarismos

O abuso ao mensurável se respalda na credibilidade para existir. Um exemplo comum são as noticias acompanhadas de uma estatística para se tornarem marcantes.

No universo digital o culto ao mensurável é amplificado.  Avaliamos o sucesso de alguém pela quantidade de seguidores no Instagram ou sua popularidade pelo numero de likes no Facebook.

fita-metreica-#belicosa55Saberia dizer quantos por cento foi amado hoje? Consegue medir o vinculo entre seu pet e você? Sim, dizem que podemos mensurar tudo nos dias de hoje , porem o que se descobre é que nao ha resposta exata para isso.

Em vez de percebidos, seres humanos são contabilizados nesta cultura. E a pratica da contagem como padrão  é substituído por uma percepção errada das coisas.

Na contramão desta ideia, seja diferente! Vivencie sentimentos, experimente valores morais por suas percepções nao por estatísticas, números ou pesquisas.

Compartilhe:






Saiba mais sobre
Comportamento Digital

Conteúdo especializado produzido por
Maria Augusta Ribeiro

Leia também



#netnografia

Pai, você presta atenção ao tempo de tela do seu filho?

Porque o pai é o responsável pela tecnologia absorvidas pelas crianças em casa

netnografia

Belicosa: A força da Netnografia no Séc. XXI

Saiba quais as vantagens dessa pesquisa que busca ouvir o consumidor online

#maturidadedigital #telanamao #criancasetelas #maturidade #belicosa

Seu filho tem maturidade para ter uma tela na mão?

Saiba porque crianças menores de 10 anos não tem maturidade necessária para administrar o